Scup

O coronavírus tem se espalhado rapidamente e, com isso, temos a sensação de estar dentro de um filme, não é mesmo?  Mas é real e não se sabe até quando!

 

A doença teve seu primeiro caso confirmado na China em novembro de 2019 em Wuhan, sétima maior cidade do país e 42º do mundo (tamanho comparado com São Paulo, que tem mais de 12 milhões de habitantes) e já se espalhou pelo mundo inteiro.

 

O assunto está foco em todo o mundo e, por isso, é inevitável que as marcas queiram enviar mensagens aos seus clientes e seguidores à medida em que a situação desenrola, mas alguns nomes estão indo além, fazendo campanhas de conscientização, doações de equipamentos e até criando uma produção de álcool gel.

 

Já falamos aqui que diversos segmentos estão sendo impactados pelo coronavírus pelas mais diversas razões: isolamento de cidades, distanciamento social, problemas na cadeia de produção de produtos, etc.

 

Mas o que as grandes marcas estão fazendo diante dessa nova realidade no mundo inteiro? Separamos algumas das iniciativas para você conferir e, quem sabe, se inspirar.

AMBEV

A Ambev usará as linhas de produção em Piraí, no Rio de Janeiro, para fabricar etanol, mas não de beber! O objetivo é distribuir 500 mil unidades de álcool gel para hospitais públicos dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e no Distrito Federal – até então os locais com mais casos de coronavírus. 
Print de um post do Instagram da Ambev falando sobre coronavírus

O álcool já está em fase final de produção e será entregue ainda em março de 2020. A empresa, porém, fez alguns esclarecimentos devido às fake news que circularam sobre a notícia.

Turma da Mônica

O gibi mais famoso do Brasil fez a sua parte na conscientização sobre lavar as mãos, uma das maneiras de prevenir o coronavírus. Até mesmo o Cascão! E você, está lavando a mão direitinho? 🧼

 

Burger King

O Burguer King também quis fazer a sua parte e resolveu doar parte da receita de qualquer sanduíche para o SUS (Sistema Único de Saúde).

 

 

A rede de fast food já publicou em suas redes sociais o que está sendo feito em relação à higiene nos estabelecimentos

#DistânciaSalva

Algumas marcas se reuniram para encorajar os consumidores a ficarem em casa e manterem o distanciamento social aconselho pelos órgãos públicos, uma das medidas para evitar a disseminação do vírus e diminuir o contágio. A hashtag da campanha foi #DistânciaSalva.

 

 

A corrente começou com a 99, que chamou a OLX, que chamou a Ricardo Eletro, que chamou a Rappi, que chamou a Oi… e por aí foi!

 

Participaram da ação nomes como Havaianas, Hershey, Itaú Cultural, Liv Up e Alelo.

 

 

Louis Vuitton

A moda não tem nada a ver com o coronavírus? A Louis Vitton anunciou que três de suas maiores fábricas de perfume na França passariam a produzir álcool gel em vez de fragâncias e cosméticos. O produto será entregue aos hospitais e autoridades de saúde francesas.

 

O objetivo da ação é evitar que o álcool gel entre em falta no país e permitir que mais pessoas continuem com a higiene necessária para conter a propagação do Covid-19.

Mercado Livre

Essa talvez tenha sido uma das ações mais comentadas. O Mercado Livre optou por mudar o seu logo. Isso mesmo! Em época de coronavírus, uma das medidas de prevenção à doença é evitar o contato físico – principalmente o aperto de mãos, justamente a imagem da empresa.

 

A ideia foi trocar o símbolo pelo cumprimento de cotovelos, uma das indicações de médicos para substituir o contato físico. 

 

Coronavírus, mercado livre e o novo logo

 

O novo logo é temporário, mas é uma iniciativa que incentiva mihões de pessoas a se prevenirem contra o Covid-19.

Logos do mercado livre – mudança foi feita por conta do coronavírus

Lush

A Lush tomou uma atitude para além das redes sociais. No Reino Unido, antes da quarentena, a empresa passou a convidar todo mundo para lavar as mãos – a melhor maneira de evitar o contágio do coronavírus. A marca colocou nas vitrines cartazes fazendo o convite e indicando a forma mais correta de fazer a higienização das mãos.

 

 

Para lavar as mãos, não era necessário fazer nenhuma compra na loja.

 

Bom, sabonete eles têm de sobra, né?

Netflix

A pioneira dos streamings não ia ficar de fora, né? A Netflix aproveitou que um jovem fez para a avó um passo a passo de como assistir aos filmes e séries disponíveis na plataforma e reproduziu o tutorial para seus seguidores.

 

 

Muito fofo, né?

 

Os idosos são parte do grupo de risco e, por isso, devem manter o distanciamento social e evitar sair na rua. Os avós agradecem, Netflix! A quarentena é no sofá 📺

 

 

Além dessas marcas, muitas outras vem aproveitando o momento para conscientizar seu público através de suas campanhas. A ideia não é querer ganhar em cima do coronavírus, afinal, o momento é grave e a situação pede sensibilidade de todos. O intuito é usar de sua influência para que o maior número possível de pessoas siga as recomendações dos órgãos de saúde.

 

E aí, qual das ações foi a mais inspiradora?

 

>>> Veja também: Como o coronavírus afeta as marcas

Deixe Sua Opinião

(Your email address will not be published. Required fields are marked)