Scup

Em busca de fornecer informações verdadeiras para todos, a plataforma multimídia Aos Fatos trabalha checando dados de notícias e desvendando mentiras, principalmente no mundo da política. No mês de junho, desenvolveram a robô Fátima para atuar no Twitter durante o período eleitoral no combate às fake news. A ideia do projeto foi do jornalista Pedro Burgos e é apoiado pelo Google News Lab.

 

O bot criado é sincronizado com um banco de notícias falsas já checadas pela equipe do Aos Fatos. Com esses links, a @fatimabot tem a função de localizar, a cada 15 minutos, tweets com links de notícias falsas e enviar uma resposta com a notícia correta (e já checada pela equipe) para o perfil que compartilhou. Dessa forma, os usuários da rede social terão acesso à informação certa.

 

A ideia é que os dados do tweet sejam gravados em um banco de dados para saber quantas pessoas compartilharam o link com notícias falsas e quantas clicaram na informação correta enviada pelo bot.  A robô prioriza pessoas com mais seguidores para que não haja interação com bots mal-intencionados ou spammer.

 

Mesmo em fase de teste no mês de junho, a @fatimabot já apresenta bons resultados. Foram detectados 881 links com notícias falsas e quase 500 alertas emitidos pela robô, dos quais foram acessados 540 vezes. Aproximadamente 30 usuários deletaram os tweets com o link da notícia falsa.

robô Fátima
Robô Fátima atuando no Twitter

A ideia do projeto para os próximos meses é aumentar a capacidade de distribuição da robô, ou seja, que o Aos Fatos faça mais checagens de fake news, especialmente de assuntos que são viralizados nas redes sociais abertas. Além disso, um segundo plano é fazer com que o bot detecte tweets de políticos cujo conteúdo já tenha sido checado pela equipe da plataforma do Aos Fatos. Assim, também será possível responder com as informações corretas os donos dos tweets e aqueles que retweetaram.

 

Por que é importante o monitoramento de redes sociais?

Monitorar as redes sociais te ajudará a identificar mais facilmente as eventuais fake news sobre a sua marca. É possível observar em tempo real a propagação dos conteúdos que mencionarem o nome da empresa ou termos que estejam ligados. Se uma fake news for publicada, a chance de chegar até o público mais rápida do que uma notícia verdadeira é maior. Com a ajuda da ferramenta, é possível visualizar a notícia falsa e desmentí-la em um curto espaço de tempo. Mas é importante relembrar: as ferramentas não detectam perfis e nem notícias falsas. Por isso, é necessário estar sempre atento ao monitoramento.

 

O que achou desse novo projeto? Conta pra gente nos comentários @ScupBrasil no Facebook, Twitter, Instagram e LinkedIn 🙂

Deixe Sua Opinião

(Your email address will not be published. Required fields are marked)